Buscar
  • Sérgio M. Botelho Júnior

Devido à pandemia do Covid-19, a Febract ministrará cursos na modalidade EAD


Devido ao isolamento social recomendado pelos órgãos nacionais e internacionais de saúde para conter a propagação do novo Coronavírus (Covid-19), a Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas (Febract) passará a ministrar cursos de capacitação na modalidade EAD. No entanto, informações relacionadas aos temas e aos valores somente serão divulgadas em breve.

Procurado pelo Imagineacredite, Pablo Kurlander, Gestor Geral da Febract, informou que a iniciativa já era muito pedida pelos cidadãos que fazem o segmento de comunidade terapêutica no Brasil, mas que devido a correria das ações somente foi possível trabalhar sobre o assunto neste período de quarentena. Uma vez que a ideia da Federação é manter todos conectados e em constante formação mesmo em meio à crise.

“Inicialmente lançaremos um primeiro curso que será divulgado em breve, e o projeto é lançar um novo curso a cada mês. Também considerando a situação crítica da economia das CTs neste momento, estamos organizando tudo para que o custo seja o mínimo possível para todos, principalmente para as CTs filiadas, claro”, destacou Kurlander.

O Gestor Geral ainda observou que a Febract, por não ter experiência em cursos EAD, fará uso da sua expertise e de aparatos tecnológicos para garantir cursos de qualidade a todos os interessados. “Temos conseguido navegar com soltura pelas possibilidades e recursos que encontramos. Sem dúvidas resulta num grande investimento em todo sentido, mas acreditamos firmemente no potencial e na urgente necessidade deste tipo de formação para o Brasil e também para o mundo”, completa.

Pablo ainda ressaltou que os cursos à distância é uma clara mensagem da Febract a todos os que fazem o terceiro setor de que a busca pela profissionalização não pode ser colocada de lado mesmo em momentos difíceis. “O nosso esforço é justamente em poder mostrar para as CTs que continuamos do lado delas, continuamos buscando estar perto e levar para elas o que temos de melhor. Considerando isto também, estamos organizando uma série de atividades e ações abertas e gratuitas para que aqueles que, mesmo com o baixo valor do curso, não tenham condições de se inscrever neste momento, possam também contar com a nossa presença”, anunciou.

Por fim, o Gestor Geral da Febract comemorou a adesão do público ao novo projeto de capacitação proposto pela Federação. “Começamos no dia 31/03 a divulgação do EAD e já recebemos inúmeras mensagens, perguntas, pedidos, etc., do Brasil e de fora. Os nossos parceiros do Proyecto Hombre de Portugal já estão esperando a abertura do curso para se inscrever, e as Federações membro da FLACT já nos pediram a versão em espanhol do EAD para levar para seus países. Acreditamos que será um sucesso e que poderá contribuir muito com a melhora das CTs do Brasil, agora e também no futuro”, finalizou.


Por Sérgio Botêlho Júnior


  • Instagram ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • Twitter ícone social

©2019 por Imagine.Acredite